Navegação por Categoria

De dentro para fora

De dentro para fora

Quase ninguêm vê

5 de maio de 2017

Quase ninguém vê que quanto mais o tempo passa, mais aumenta a graça em te rever. Vão passar-se anos e vou até acreditar que você poderia passar desapercebido, como uma pessoa qualquer, como se fosse assim tão fácil fingir nunca tê-lo tido. O coração dispara, sem pensar nas consequências o corpo perde a calma e nesse ritmo descompassado entre a razão e a emoção, corro para os seus braços numa tentativa de mais uma vez acalentar a alma. Quase ninguém…

Continue Lendo

De dentro para fora

Sugiro que antes que abras a boca, abra os braços

14 de fevereiro de 2017

Sugiro que antes que abras a boca, abra os braços.   Eu não preciso de ninguém que me diga o que fazer, ou alguém para criticar o que estou fazendo. Não sei tudo sobre a vida e por isso há momentos de incertezas, onde enfrento fraquezas. Você também não sabe tudo sobre a vida, ninguém sabe e antes que sustente sua sabedoria com o tempo, sugiro que antes que abras a boca, abra os braços. Entenda que o tempo não…

Continue Lendo

De dentro para fora

Carta ao meu primeiro amor – Ainda bem que eu amei você

10 de janeiro de 2017

Eu parti, mas do amor não desisti…entre um coração estraçalhado, tropeços e milhares de recomeços, eu só tenho a agradecer… Ainda bem que eu amei você. A inocência do primeiro amor, do primeiro beijo, da primeira vez, sentir o corpo arrepiar ao minha pele suas mãos tocar, a trilha sonora que na cabeça ecoa enquanto jovem inconsequente vou te amando a toa. As centenas de cartas que será inevitável não escrever ao com você me envolver. Nos diários os segredos…

Continue Lendo

De dentro para fora

Fazer amor sem pudor

10 de outubro de 2016

Toque leve da sua mão forte e robusta que desliza sobre a minha pele é como uma pluma, está quente e se move tão lenta que por vezes os movimentos quase se cessam. Meu corpo vagarosamente vai relaxando, os músculos alongando e a respiração quase cessando. Flutuo, me sinto quase do corpo sair e nas nuvens subir e no espaço navegar. Volto a mim quando sinto seus lábios quentes meus ombros beijar, o toque é manso e gentil que se…

Continue Lendo

De dentro para fora

O que temos pra hoje é ressaca moral

8 de outubro de 2016

O dia amanheceu, estou vendo o sol entrando pela frestinha da janela, queria que essa não fosse a realidade, estou sentindo o nó na barriga na realização de que não é um dia qualquer, hoje é sábado. Tentando recompor os pensamentos, me dou conta de como foi que a noite terminou. Cubro a cabeça com o travesseiro na tentativa de quem sabe de novo os olhos fechar e talvez quando eu acordar, essa ressaca moral terá sido apenas parte de…

Continue Lendo

De dentro para fora

O amor que eu não pude te dar

3 de outubro de 2016

O amor que eu não pude te dar Acredite, não foi nada fácil encarar a triste realidade de que depois de tanto pedir, rezar, mentalizar o amor que você quis me dar, não era bem o amor que eu estava à procurar. Dizem para ter cuidado com o que se deseja e eu pensei estar certa enquanto pedia, mas vim mais tarde descobrir, que o que você tinha para me dar não era exatamente o que eu queria, mas preferi…

Continue Lendo

De dentro para fora

Logo eu

21 de setembro de 2016

Ah Se eu pudesse no tempo voltar para de novo me prender no seu olhar e por você mais uma vez me apaixonar. Ah que bom seria no tempo voltar e toda aquela doce sensação de novo vivenciar, sentir meu peito pulsar ao som da sua voz ouvir e em êxtase então dormir, depois de me despedir. Amanhecer feliz já na expectativa de você de novo ouvir e ao tocar do meu telefone, inteira tremer quando me ver novamente é…

Continue Lendo

De dentro para fora

O que de fato possuo nunca terás

14 de setembro de 2016

Por um momento me desencorajo e chego a perder a fé na humanidade, me amedronto com tanta falta de dignidade, pensamentos negativos a mente assombra e confesso um sentimento de impotência e uma raiva imensa dominam o meu pensar, É tão difícil acreditar que existam pessoas com tanta falta de integridade e capazes de tanta crueldade. A tristeza me rodeia não pelo valor material, mas pela ausência de compaixão e a pobreza de espírito que quase é surreal. Moeda é matéria…

Continue Lendo

De dentro para fora

O tempo que nos falta faz falta

8 de setembro de 2016

Veja você que ironia do destino, o tempo que nos uniu na hora errada, nos separou na hora exata. A verdade é que o tempo nunca esteve à nosso favor ainda que talvez fosse mesmo amor. No momento em que a vida nos uniu, o tempo de desfavor se muniu, apesar do desejo mais forte que vinha do coração, éramos ainda muito jovens, inconseqüentes e um tanto quanto inocentes, mas o querer falou mais alto que a razão. O que…

Continue Lendo

De dentro para fora

O choro contido numa canção de ninar

4 de setembro de 2016

Um nó na garganta seca, ouço o som do engolir, um aperto no peito e o ruído de angústia que ao insistir soa alto e vem do gemido dolorido que se faz desapercebido. Os músculos tensos, a respiração descompassada e os olhos não escondem o desespero da mente atormentada. Então por incontáveis vezes eu me rendo e me perco em lágrimas, suplicando que a dor seja tirada de dentro do peito, indagando por respostas das perguntas que se fazem a…

Continue Lendo

De dentro para fora

Volta nessa casa morar

20 de agosto de 2016

Volta nessa casa morar  A noite de repente escureceu, na incerteza entre você e eu, encerrar o dia de trabalho duro já nem me anima mais, voltar para a casa ao fim do dia, eu juro, já nem me traz mais paz. Preparar o jantar já não me agrada, ah que rotina ingrata, tanta falta você me faz que a sua absência nem fome me traz. Loucura talvez, a mesa farta só mesmo das memórias das coisas corriqueiras que a gente fez,…

Continue Lendo