Mundo afora

Homem Americano vs Homem Brasileiro

25 de fevereiro de 2016

Desde que saí do Brasil, posso contar nos dedos os homens brasileiros com quem me relacionei aqui nos EUA e o motivo foi única e exclusivamente porquê meu foco era aprender inglês…ok, ok e lógico que também uma “dosinha” de curiosidade 😉

Como para toda regra há uma exceçāo, não podemos generalizar e eu não estou generalizando, porém após 8 anos vivendo no nordeste dos Estados Unidos, eu tenho feito algumas observações nas diferenças entre os americanos e os Brasileiros.
O assunto levantado também tem base em pesquisas e vários bate-papo “cazamigas” brasileiras que dividem suas experiências…

Os Americanos em sua maioria tendem a ser mais racionais, práticos e objetivos, enquanto os brasileiros estão focados num estilo de vida mais emocional.
A maioria dessas diferenças são de ordens culturais.
A mulher Americana é tão respeitada quanto o homem, principalmente no setor profissional.
Elas se tornam independentes ainda na adolescência, saem de casa para ingressarem em uma universidade e raramente retornam, elas focam-se em suas carreiras o que na maioria dos casos resulta em um “atraso” em começarem uma família com casamento e filhos, comparado com as Brasileiras que normalmente começam mais cedo e eu acredito que isso esteja relacionado com o fato de que vivemos numa cultura onde ainda hoje, muitas mulheres só saem de casa depois do casamento.
Por esses e outros motivos explica-se o fato de que o homem Americano seja mais cordial e cauteloso quando se trata da conquista da “presa”.
Não posso deixar de citar que o que também diferencia o comportamento entre os 2 indivíduos, Brasileiro e Americano é a educação, num pais onde as leis são vigoradas e levadas a sério qualquer “brincadeira de mal gosto” pode ser confundida com assédio resultando em processos certamente seguido de punições.
Nas poucas ocasiões onde vivenciei algo como assobios, ou aquele velho “Oh gostosa”, “nossa”, quando passando pela rua, os indivíduos não eram Americanos e sim latinos. Mas, como disse é raro isso acontecer.
Quando digo Americanos, me refiro a homens não necessariamente nascidos aqui, mas que cresceram dentro da cultura.

Na hora da conquista:

Os americanos apostam na boa comunicação e deixam o afeto físico pra bem mais tarde quando já realizou a conquista, depois de uma boa conversa, pegam seu telefone e te levam para o tão famoso e esperado date (encontro) o que é um encontro romântico onde o casal tem a chance de se conhecerem melhor. Em algumas ocasiões te levam pra jantar, às vezes somente para um drink, ou apenas um café no fim do dia.

Não existe uma regra, mas dificilmente o americano te beijará no primeiro encontro, a menos que vc parta para o ataque.
Por isso a fama dada pelas Brasileiras de serem “devagar”. Quando se trata da conquista eles são mais conservados.

Em contrapartida, na noite, na balada se vc depois de algumas biritas, se entregar ao seu gingado Brasileiro e digamos talvez perder a compostura, quem sabe ao exibir seu profissionalismo na coreografia do “lepo lepo” (Olha a referência ultrapassada haha), eles certamente interpretarão como insinuação e provavelmente partirão para o “ataque”.
E já que estamos falando do que acontece na noite, vale a pena ressaltar que os homens aqui normalmente pagam pelo seu drink quando interessado e ocasionalmente você topa algum bom samaritano, que só quer ser cavalheiro.

Pela minha experiência no Brasil, um homem que não seja seu parceiro, pagar pelo seu drink é raridade.
Numa dessas minhas visitas ao Brasil me recordo de um episódio onde numa noite na balada, enquanto conversava com um indivíduo supostamente interessado,  ele acidentalmente derrubou o meu copo e bebida. Confesso que fiquei um pouco horrorizada com o fato de que ele não só não se ofereceu pra pagar outro, mas ainda teve a coragem de detalhar o tipo de mix de bebida que ele queria, quando eu muito educada enquanto pedia por outro drink no bar, perguntei se ele queria algo. Haha (só acontece comigo???) Mas, dando continuidade…

Todo essa diferença no comportamento durante a conquista não difere os indivíduos na questão do desempenho sexual, isso varia mesmo de pessoa pra pessoa e não de cultura. Claro que os Brasileiros em sua maioria têm um jeitinho, digamos mais safadão de ser haha. Porém, eu acredito que isso esteja ligado naquilo que falamos lá no começo, sobre terem um estilo de vida mais emocional.

Outra questão de causa higiênica muito interessante é que todo bebê do sexo masculino é circuncidado logo após o nascimento, a menos que o contrario seja imposto pelos pais em sua maioria por questões religiosas.

A importância a confiança é algo admirável já que a maioria deles mantém os amigos (a) e os encontros somente entre eles após o casamento.
Os americanos são sem dúvida, mais féis que os Brasileiros que são considerados campeões de infidelidade, liderando o pódio na América Latina. E isso não sou eu que estou presumindo, estatísticas comprovam. (Farei um Post relacionado ao assunto).
Outro aspecto muito comum é a união de casais de namorados sob o mesmo teto sem um compromisso oficial, não existe a tal lei de uniāo estável aqui, se não houve casamento reconhecido no civil não existe separação de bens, apenas um “good bye”.

Normalmente depois de terem morado juntos e o relacionamento está fluindo, o namorado pede a mão da namorada em casamento de uma forma muito formal, um anel de diamante é colocado no dedo da
respectiva (quando o esperado YES é declarado, claro), após um acontecimento romântico e o objetivo do noivo é fazer com que o tão esperado momento seja uma surpresa inesperada e muito especial para a noiva, e a partir do noivado, os preparativos para o grande dia dá-se inicio, nada de noivado que duram 3, 5, 10 anos…ah Oi, homens brasileiros?!! Qualquer semelhança é mera coincidência #soquenão

Comentários do Facebook

Você pode gostar também

15 Comentários

  • Resposta Vivi 25 de fevereiro de 2016 em 18:19

    Michele Godoi adorei!!! Perfeito o que escreveu… As etapas da conquista dos Americanos são otimas… Primeiro um brunch e só depois se pensa nas outras etapas que vem com o conhecimento! 👏🏻👏🏻

    • Resposta Michele Godoi 25 de fevereiro de 2016 em 18:51

      Ahh que linda, obrigada por interagir aqui Vivi. Sim, tb acho bastante bacana, mesmo que não leve a nada sério, é sempre muito bom se sentir um pouco mais apreciada né?! Beijão!

  • Resposta Jéssica Bertolla 25 de fevereiro de 2016 em 18:49

    Adoreiii, realmente ser tratada com educação e respeito por homens deve ter sido um dos choques de realidade ai enfrentados por você, que bom que foi pra melhor.
    Tomara que essas culturas consigam resistir a “invasão” dos latinos. kkkk

  • Resposta Andrelina 25 de fevereiro de 2016 em 19:19

    Nossa me amarrei quanta diferença dos Homens Americanos para os Brasileiros, no que se diz Respeito conquista enfim que tudo Michele Godoi Ameiiiii

    • Resposta Michele Godoi 25 de fevereiro de 2016 em 21:05

      Oi Andrelina, obrigada por intaragir aqui no blog e deixar seu comentário, super me motiva…beijão 😘

  • Resposta Roselma 26 de fevereiro de 2016 em 21:44

    Em relação a romantismo, gentileza e educação os americanos são demais! Muito difícil encontrar homens assim aqui no Brasil. Aqui é um negócio de rachar a conta, muitas vezes já no primeiro encontro, acho isso uma falta de delicadeza! Entre brasileiros e americanos sou 100% gringo.

    • Resposta Michele Godoi 26 de fevereiro de 2016 em 23:36

      Ro, muito obrigada por interagir aqui no blog e deixar sua opinião. Eu ando meio por fora de como anda o cavalheirismo ou falta dele aí no Brasil nos dias de hoje, mas pela minha mais recente experiência com o cara que derrubou meu drink já deu pra ter uma ideia. Lógico que não podemos generalizar né?! Vem nos visitar!!! Beijão 😉

  • Resposta Sirlei 29 de fevereiro de 2016 em 12:20

    Michele,,minha Linda,sensacional,,,esses homens aqui dizendo coisas,que pra mim eu acho nojento,,depois falam que é “brincadeirinha”. #sóquenão#..Confundem elogio com falta de respeito…😡😡😡😡😡😡😡,Mas pra Vc ,,👍👍👍👍👍👍👍👍👍👍s

    • Resposta Michele Godoi 29 de fevereiro de 2016 em 12:24

      Sei bem como é…mas não podemos generalizar né?! Com certeza tens uns decentes perdidos por aí 😉 Beijão

  • Resposta Fernanda 24 de setembro de 2016 em 23:19

    É isso mesmo! Os homens americanos são mais educados, gentis… Abrem a porta do carro, pagam a bebida, não vão com tanta sede ao pote, são mais reservados e fiéis (experiência própria). Eu já desisti de brasileiro. Quero logo o meu americano!

    • Resposta Michele Godoi 4 de outubro de 2016 em 12:18

      Obrigada por interagir Fer…Boa sorte na procura do seu americano. Beijão 😉

  • Resposta Raela 28 de fevereiro de 2018 em 11:32

    Oi Michele. Eu conheci um americano estudando ingles pela net ( nao estava pensando em arrumar namorado nao!!) mas ele me encantou desde o primeiro momento. Muito gente boa, gentil e educado. Até aí tudo bem, só que foi rolando muitas coisas da parte dele, tipo brincadeiras demais, e perguntou se eu tinha namorado… quando eu dizia que ia sair ele perguntava com quem, outra vez que disse que tinha saído ele chegou até a perguntar se eu ia para um date, se eu vou para muitos dates, etc. Assim, ele perguntou muitas vezes essas coisas, em varias ocasioes. Mensagens, só pelo site do curso mesmo, mas não era de enviar muitas, mas as vezes ele escrevia coisas como: ”you brighten my day” ou apenas dizendo que adorava falar comigo e que sempre que falamos a hora passa rápido. Certa vez ele disse que está planejando vir ao Brasil daqui 3 meses, mas nao mencionou nada sobre me conhecer. Sempre indireto e nunca direto, mas sempre falou coisas que davam a entender outro sentido, por ex uma vez falei, nao se sinta mal (por alguma coisa q ja nao lembro) ele respondeu: desde que voce diga pra eu nao me sentir mal, eu nao sentirei (e com aquela carinha de cachorro que caiu da mudanca). Estou ficando louca sem saber o que esta rolando…a última vez que tivemos aula eu pedi pra ele tocar uma musica pra mim, ele todo feliz pegou o violao e tocou…ele ficou muito nervoso, no meio da musica ele parava e dizia (fez isso 3 vezes) – vc me deixa nervoso! E ria, nossa ele era só sorrisos esse dia. Cheguei a pensar, esse tá na minha hehe maaaaas, agora vem o mas….desde esse dia da musica ele me escreveu uma mensagem super fofa dizendo ”eu amo ouvir voce rir entao quando vc quiser que eu toque eu vou amar tocar pra vc qualquer hora que vc quiser” eu escrevi, nao quero pedir muito, mas quero que vc toque outra vez, ele disse ”voce nunca pode me pedir muito, eu vou ficar feliz em tocar pra vc sempre que vc quiser” e desde entao a gente nao se viu mais. Uma coisa que ele faz que eu nao gosto é quando ele nao pode comparecer a uma aula ele cancela mas nao me manda uma mensagem dizendo qualquer coisa, pedindo desculpas por cancelar a aula, sabe? So fez isso umas 4 vezes ate hoje dando uma satisfacao…depois da vez que ele tocou pra mim, ele cancelou a aula e nao escreveu se justificando…de pirraça eu tb nao agendei mais nenhuma aula. Nos conhecemos faz um pouco mais de 2 meses. Alguém que more nos EUA sabe me dizer se americanos sao assim escorregadios mesmo…..

    • Resposta Raela 28 de fevereiro de 2018 em 11:36

      Desculpa, nos conhecemos um pouco mais de 1 mes….escrevi errado…

  • Resposta Anônimo 8 de junho de 2018 em 01:54

    Americanos são ciumentos? Porque no Brasil, o cara é tão ciumento que chega a agredir a mulher, não deixar ela sair , e ainda por cima, quando a mulher termina com ela, ele não se conforma, então mata ou espanca ou ameaça. Americanos são assim também?

  • Deixe uma resposta para Sirlei Cancelar Resposta

    Política de Privacidade — Garantir a confidencialidade dos dados pessoais dos usuários é de alta importância para nós, todas as informações pessoais relativas a membros, assinantes, clientes ou visitantes que utilizam nossos sistemas serão tratadas em concordância com a Lei da Proteção de Dados Pessoais de 26 de Outubro de 1998 (Lei n.º 67/98). As informações pessoais recolhidas podem incluir nome, e-mail, telefone, endereço, data de nascimento e/ou outros. O uso de nossos sistemas pressupõe a aceitação deste Acordo de Privacidade. Reservamos o direito de alterar este acordo sem aviso prévio, por isso recomendamos que você verifique nossa política de privacidade regularmente para manter-se atualizado(a). Anúncios — Assim como outros sites, coletamos e utilizamos informações contidas em anúncios, como seu endereço de IP (Internet Protocol), seu ISP (Internet Service Provider), o navegador utilizado nas visitas a nossos sites (Chrome/Safari/Firefox), o tempo de visita e quais páginas foram visitadas. Sites de Clientes — Possuímos ligação direta com os sites de nossos clientes, os quais podem conter informações/ferramentas úteis para seus visitantes. Nossa política de privacidade não se aplica a sites de clientes, caso visite outro site a partir do nosso, deverá ler sua própria politica de privacidade. Não nos responsabilizamos pela política de privacidade ou conteúdo presente nesses sites. Para maiores informações, entre em contato conosco.


    Sites profissionais com tudo incluso
    Vaucci.com · Suporte · Telefone · WhatsApp Assine