De dentro para fora

O choro contido numa canção de ninar

4 de setembro de 2016

Um nó na garganta seca, ouço o som do engolir, um aperto no peito e o ruído de angústia que ao insistir soa alto e vem do gemido dolorido que se faz desapercebido.
Os músculos tensos, a respiração descompassada e os olhos não escondem o desespero da mente atormentada.
Então por incontáveis vezes eu me rendo e me perco em lágrimas, suplicando que a dor seja tirada de dentro do peito, indagando por respostas das perguntas que se fazem a esmo.
Noites em claro, refeições rejeitadas, arrepios ao ouvir canções e reviver sensações que levam de volta ao que causa toda essa inquietação que não se dá em vão.
Tento entender a que estágio as coisas foram se desfazendo, mas chorar de nada adianta vou aos poucos compreendendo.
É preciso sensatez para alcançar a clareza da lucidez que se requer na maturidade a fim de sustentar a integridade.
A agonia cega a realidade inundando os olhos avermelhados, cansados que agora inchados, imploram para descansarem aliviados.
Na tentativa de toda essa angústia abafar, por vezes choro a ponto de me exaustar para que possa de alguma forma a dor cessar. Então aos poucos me ponho a dormir, embalada pela interna canção de ninar na fracassada esperança de que aos olhos abrir, me darei conta de que foi um sonho, sonho daqueles que ao acordar, respiro aliviado ao me conscientizar de que nada está mudado.
É quase um crime tentar convencer o coração de que deixando se tomar por essa inundação e falta de crença, de alguma forma fará com que a atormentação desapareça.
É como contar uma mentira a uma criança que ainda inocente crê na promessa que não se cumprirá.
Não há lágrimas suficientes que traga a paz que em desespero almejo encontrar.
Não importa quantas vezes me ponho a dormir de tanto chorar, de nada irá adiantar porque o que antes era, jamais será.
Então me dou conta que assim a vida segue, numa metamorfose sem fim e cabe a mim apertar o passo e a batida do compasso e compreender de uma vez por todas que nada é, tudo apenas está.
Agora já cansada da lição mais uma vez revisada, vou fechando os olhos com a vista já embaçada e as palavras embaralhadas, no embalo da canção de ninar já não me abalo, pois quem sabe ao acordar, as coisas não estarão no lugar.

Comentários do Facebook

Você pode gostar também

3 Comentários

  • Resposta Sirlei 5 de setembro de 2016 em 19:43

    Lindo e triste ao mesmo tempo,,mas,,Perfeito,palavras de quem é munido de sentimentos Especiais…:)

  • Resposta Jéssica 8 de setembro de 2016 em 11:35

    Meu coração chora ao sentir tamanha tristeza nessas palavras, tristeza essa que é inevitável na vida de qualquer pessoa mas em você à transformou nessa mulher forte que é hoje. #avidaehfeitadeescolhas #cadaescolhaumarenúncia

    • Resposta Michele Godoi 9 de setembro de 2016 em 13:57

      @Sirlei e @Jessica Obrigada por interagir. Vocês são demais 🙂

    Deixe uma Resposta

    Política de Privacidade — Garantir a confidencialidade dos dados pessoais dos usuários é de alta importância para nós, todas as informações pessoais relativas a membros, assinantes, clientes ou visitantes que utilizam nossos sistemas serão tratadas em concordância com a Lei da Proteção de Dados Pessoais de 26 de Outubro de 1998 (Lei n.º 67/98). As informações pessoais recolhidas podem incluir nome, e-mail, telefone, endereço, data de nascimento e/ou outros. O uso de nossos sistemas pressupõe a aceitação deste Acordo de Privacidade. Reservamos o direito de alterar este acordo sem aviso prévio, por isso recomendamos que você verifique nossa política de privacidade regularmente para manter-se atualizado(a). Anúncios — Assim como outros sites, coletamos e utilizamos informações contidas em anúncios, como seu endereço de IP (Internet Protocol), seu ISP (Internet Service Provider), o navegador utilizado nas visitas a nossos sites (Chrome/Safari/Firefox), o tempo de visita e quais páginas foram visitadas. Sites de Clientes — Possuímos ligação direta com os sites de nossos clientes, os quais podem conter informações/ferramentas úteis para seus visitantes. Nossa política de privacidade não se aplica a sites de clientes, caso visite outro site a partir do nosso, deverá ler sua própria politica de privacidade. Não nos responsabilizamos pela política de privacidade ou conteúdo presente nesses sites. Para maiores informações, entre em contato conosco.


    Sites profissionais com tudo incluso
    Vaucci.com · Suporte · Telefone · WhatsApp Assine